212 215 306
913 080 555


Visite-nos!

Mau hálito (halitose)

Na maioria dos casos o mau hálito (halitose) tem origem na cavidade oral, no entanto pode ser o primeiro sinal de uma causa sistémica.
As causas orais incluem a má higiene oral, existência de cáries, doenças das gengivas, infecções orais, próteses com má higiene, diminuição do fluxo salivar e cancro oral.
Actualmente começa a haver evidencia que associa a presença de certas bactérias, produtoras de enxofre, a determinado tipo de mau hálito. Estas bactérias também podem estar na língua (daí a importância de raspagem da mesma).
Algumas doenças como sinusite, corrimento nasal posterior, podem também dar mau hálito. As doenças do estomago, o refluxo gástrico, as síndromes de má absorção e a diabetes podem também dar halitose, mas é muito mais raro.
Alguns alimentos como o alho, cebola, álcool ou medicamentos e ainda o tabaco desencadeiam halitose.
Outra causa de halitose pode ser a quantidade de ingestão de líquidos e a existência de pouca saliva. De manhã ao acordar, ou após muitas horas de jejum durante o dia, pode ter-se mau hálito. Beba muita água. Além de ter os seus rins a funcionar bem, contribuir para não ganhar peso, eliminar toxinas, etc, ela é importante para o controlo da halitose.
Lave os dentes, utilize fio dentário e um raspador de língua.
O seu Médico Dentista é a pessoa indicada para o diagnóstico da sua halitose. Poderá ainda orientá-lo para outra especialidade caso se suspeite de halitose de outra causa diferente da cavidade oral.